Buscar
  • TXT BRAZIL

“Minisode1: Blue Hour”: versão VR e seus detalhes

Atualizado: 14 de Out de 2020

E a Big Hit pensa em tudo!


Ontem (05) a Big Hit divulgou o segundo concept photo do novo mini álbum do TXT, o minisode1: Blue Hour. A versão VR trouxe os meninos em um conceito mais aprofundado no universo gamer com dados de personagens para um jogo de RPG. Mas não foram somente os dados que os remetem ao jogo, eles foram até os mínimos detalhes e vamos mostrar a vocês alguns destes detalhes que pudemos reparar. As roupas usadas no conceito “personagem” deste concept photo foram pensadas especificamente para representar características de seus personagens de alguma forma. No RPG, os personagens são sempre medievais, independente do tempo onde o jogo se passa. Como estamos falando de um grupo da geração Z, obviamente que suas roupas seriam das mais atuais possíveis. Podemos observar uma clara mistura de atualidade com as características dos personagens, sendo colocadas de forma sutil e descolada, sem perder a essência do personagem. Se você ainda está perdido no conceito e não entende muito de RPG, confira nossa thread feita no Twitter que explicamos direitinho:



Comecemos pelo Soobin:


Soobin (Arqueiro/Guarda): Soobin usa roupas finas, um casaco bem grande e botas de caçada, adornos nas orelhas e em sua cabeça que também podem fazer alusão ao seu personagem. As botas podem representar o fato de que seu personagem (Arqueiro/Ranger) é um ser que consegue sobreviver bem na selva e é um excelente caçador. A tiara em sua cabeça remete ao fato de que sua classe é muito envolvida com a natureza e o adorno delicado em sua orelha pode ser uma breve lembrança aos Elfos (uma das etnias que pode ser jogável com este personagem).



Yeonjun (Cavaleiro/Paladino): Yeonjun usa uma roupa bem descolada, toda preta. Um brinco com um pingente de katana/espada em sua orelha pode fazer alusão ao fato de que ele é um cavaleiro, e o X em dourado em seu peito, alusão a sua classe Paladino, onde são conhecidos por serem conectados com o divino, e usam dos poderes dados pelas divindades para realizar suas tarefas.







Beomgyu (Druida/Mentalista): Beomgyu é um dos únicos que está usando branco. A classe de seu personagem pode assumir a forma do animal que desejar, isto lhe oferece suporte em combate. As flores desenhadas em seu pescoço podem simbolizar o fato de que esta classe possui uma ligação devota com a natureza, que consegue controlar tudo que nela habita (flores, plantas e animais).






Taehyun (Aventureiro/Feiticeiro): Sua roupa lembra vagamente um famoso personagem da literatura: Robin Hood. Sua classe, a mais “livre” dentre a dos meninos, pode seguir o caminho que bem entender, ou que achar melhor para si. Com suas roupas lembrando o famoso defensor dos pobres, inimigo da nobreza, ele pode acabar se tornando um anti herói da história, um fora-da-lei.






Hueningkai (Místico/Bardo): Hueningkai é o outro único membro a usar branco. Coberto da cabeça aos pés, e apenas uma pena de adorno em sua cabeça, sua vestimenta não parece revelar muito. Assim como os Místicos, sua classe, que embora poderosos, evitam revelar aos outros a fonte de sua força.







Detalhes simples, mas que mostram o empenho de fazer deste comeback um dos mais memoráveis na carreira dos meninos. E você, MOA? Encontrou também algum detalhe importante na composição dos personagens dos meninos? Comentem conosco!



Matéria por: Abby (TXT Brazil)

51 visualizações0 comentário